Rivista DMA

Dma 2015

Dma 2015

Neste ano, os caminhos pessoais e comunitários são orientados pelo evento capitular, definido como uma experiência do Espírito Santo e de formação permanente. Ele entregou, para cada FMA e comunidades, escolhas e passos concretos para o futuro. O título do Documento capitular “Alargai o olhar. Ser com os jovens, missionárias de esperança e de alegria” é um chamado e um empenho a atualizar a experiência vivida, caracterizada por um forte dinamismo de missionariedade. A Revista DMA coloca-se nesta ótica e se dispõe a acompanhar as FMA, os leigos e os jovens no processo de assimilação e de tradução vital dos conteúdos emersos do CG XXIII, realizado em Roma.

Alguns aspectos do Documento são aprofundados, sobretudo por meio do Dossiê cujo título Alargai o olhar é o leitmotiv e o estímulo para perscrutar a realidade e o mundo com olhos novos. Além disso, o momento histórico que estamos vivendo é rico de sinais e de chamados. Em particular, o Ano da Vida Consagrada e o Bicentenário do nascimento de Dom Bosco são dons e apelos para tornar mais luminosa a nossa identidade de consagradas na Igreja e na sociedade de hoje.

O DMA, este ano, apresenta algumas novas rubricas que se referem a temas da atualidade. A Paz é o caminho, dá a conhecer, por meio dos testemunhos das FMA e leigos, as situações de conflito em curso e quais são os passos concretos a serem dados para se promover uma cultura da Paz. A página da Palavra contribui para facilitar a oração com os jovens e o povo, enquanto a rubrica Carisma e Liderança apresenta, na dúplice veste de quem é animadora e da comunidade, as características de uma líder eficaz com referência carismática a algumas figuras salesianas.
Os temas da Vida Consagrada encontram espaço na rubrica Mulheres no contexto, com a apresentação da beleza e riqueza da feminilidade que, conscientemente acolhida, confere cor e calor à alegria da própria identidade de consagradas. Na seção Comunicar, em vez, o tema da consagração é posto em confronto com a sociedade atual e com o Magistério da Igreja.

Enfim, no Dossiê de cada número serão apresentados os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, desde a luta contra a fome e a pobreza até a tutela do ambiente, a promoção dos direitos da mulher, a derrota da mortalidade infantil... Desafios aos quais não é possível desatender.

A nossa Revista deseja alargar o olhar, ser instrumento de formação não apenas para as FMA, mas também para tantos leigos e jovens que frequentam as nossas casas. Além disso, pode tornar-se cada vez mais de ajuda para as animadoras de comunidade e para os educadores e educadoras, que são chamados a “ser com os jovens missionários de esperança e de alegria”.
Desejo a todos um Bom Ano, em companhia da Revista DMA!

A redação

OK Su questo sito NON utilizziamo cookie di profilazione, ma solo cookie tecnici e/o per il monitoraggio degli accessi. Se vuoi saperne di più clicca qui. Cliccando sul pulsante OK presti il consenso all'uso di tutti i cookie.