Haiti: Tra le macerie rinasce la vita!

Scrivi un commento
9 commenti
16/02/2010 - Ir Ercilde, BPA

Querida irmã Wilma, muito obrigada pala sua visita e pelo seu relato e reflexão estando em contato com a dura realidade pós-terremoto no País do Haiti. Através da sua descrição é possível perceber a grande dor do Povo e aesperança através de gestos solidários das pessoas que se empenham a exemplo das nossas irmãs de Santo Domingo que não se cansam de prestar auxilio às irmãs e pessoas. Isso tudo fala de fé viva na Pessoa de Jesus o qual nos veio testemunhar do grande Projeto do Pai: amai-vos uns aos outros como eu vos amei!

16/02/2010 - Tony Brady

Sister Vilma Tallone’s graphic description of the destruction in Haiti and how everyone involved is coping, in so many varied ways, beats all TV and other media descriptions. Our Salesian Blaisdon Old Boys Association has donated £200.00 Sterling to the central Salesian Appeal. We hope that all the work being put into the recovery of Haiti will ultimately permanently mend a country which British media has described as a “broken”. Tony Brady - PRESIDENT

16/02/2010 - sr Carolina Costabile

Cara sr Vilma, ho letto e riflettuto su questo viaggio di speranza, sono proprio felice che lei sia andata lá, credo che sia un conforto per le nostre sorelle e per tutto il popolo, e insieme un segno di grande unitá, perché tutte abbiamo nel cuore il dolore per quanto é accaduto e anche tanta certezza che tutto risorge. Grazie sr Vilma per questo pezzo di strada con i piú poveri e per averne scritto il vissuto . Sr Carolina C.

14/02/2010 - Sr luisa Moscoso

Sr Vilma tu paso por Haiti es el nuestro, gracias de corazon por hacer sentir a nuestras hermanas y a los jovenes ,nuestra cercania y nuestra oracion aqui en Cotonou nuestros niños y jovenes han dado lo que tenian con bellos gestos de generosidad y solidaridad . Que Dios bendiga esa tierra tan probada . Sr Vilma gracias que Dios acompañe tu caminar.

13/02/2010 - Pieranna Erbetta

grazie per la testimonianza e un ricordo nella preghiera per i nostri fratelli di Haiti e per tutte le f.m.a. che li assistono.

13/02/2010 - Ir.Rosa Maria

A realidade é triste, mas a solidariedade e a fé em Jesus Cristo nos anima e nos torna instrumentos da bondade de Deus no meio do povo haitiano. Que a disponibilidade da nossa vida a serviço dos mais pobres e necessitados seja testemunho diante daqueles que têm, no exercício do poder, a responsabilidade do Bem comum. Minha participação neste sofrimento do povo haitiano e de nossas Irmãs tem sido a oração, a oferta de renúncias que posso fazer em favor deles no meu dia a dia. Certamente, Deus já está derramando suas bençãos e graças sobre o Haiti para que, daqui para frente, tudo seja melhor e segundo o coração de Deus.

13/02/2010 - Novivciado San José La ceja Colombia

La lectura de lo que nos cuenta Sor Vilma Tallone, nos lleva a agradecer el testimonio de fraternidad y de presencia, dejarse tocar por el dolor. estamos muy unidas a esta dificultad tan tremenda, oramos por estas situaciones y hacemos cualquier pequeña privación para obtener de nuestro Dios las gracias que se necesitan. Agradecemos las comunicaciones

13/02/2010 - Ana Abigail Garcia Alvarez, fma

Gracias, mi queridisima sor Vilma, Dios te bendiga y siga bendiciendo a tod@s nuestr@s herman@s de Haiti. Mi carino y oracion te han acompanado y te siguen acompanando desde el IFHIM donde tambien Sor Silvita recibio la formacion, estamos siguiendo un proyecto de restauracion de las personas después de esta tragedia. Gracias también por compartir los signos de esperanza que has encontrado en Haiti, con todas las FMA

11/02/2010 - Eleonora

Grazie carissima Sr Vilma per il tuo coraggio! Ho pregato per te in questo viaggio di sofferenza perché il Signore ti dia la forza e la saggezza di una mamma buona che vede e provvede! Grazie per le notizie anche se il dolore ci fa piangere per tanta sofferenza! Ele


OK Su questo sito NON utilizziamo cookie di profilazione, ma solo cookie tecnici e/o per il monitoraggio degli accessi. Se vuoi saperne di più clicca qui. Cliccando sul pulsante OK presti il consenso all'uso di tutti i cookie.