Em San Luis, Petén, uma nova comunidade FMA

San Luis, Petén (Guatemala). No dia 24 de maio de 2019 foi aberta uma nova comunidade de Irmãs Salesianas (FMA) na Vila de Chacté, no Município de San Luis, ao Norte da Inspetoria San Salvatore (CAM).

A Celebração Eucarística foi presidida por Dom Mario Fiandri (SDB) Bispo do Vicariato de Petén. Com o acolhimento e a fraternidade do Pe. Filomeno Ceja m.c.c.j. Pároco da cidade e o calor e simplicidade do povo dessas terras foram recebidas Ir. Alma Patrícia Aguilar, Ir. Maria del Carmen Mancía e Ir. Ana Vilma Pino. As três irmãs colaborarão na missão pastoral na Paróquia: a formação dos ministros da juventude e a promoção da mulher, a formação de catequistas, a catequese paroquial, as visitas às diversas comunidades rurais e aos centros indígenas. No futuro se deseja abrir um centro de acolhida para os voluntários que queiram realizar uma experiência missionária.

A Inspetora, Ir. Roxana Maria Artiga, no seu discurso de apresentação, declarou: “Em linha com Sua Santidade, o Papa Francisco, como Igreja e como uma Inspetoria em saída, vamos evangelizar, continuando a proclamar Cristo, para sermos em Chacté uma comunidade de portas abertas. Ouvimos a voz de Deus desafiando-nos a procurá-lo no rosto das crianças e dos jovens vindos de San Luis. Queremos ajudá-los a encontrar Deus em si mesmos e se sentirem habitados por um Deus que ama cada um na própria história pessoal.

Quisemos chamar a nova Comunidade “Casa Missão Nossa Senhora de Guadalupe” porque queremos que seja Maria a acompanhar-nos no caminho entre as diversas culturas destas terras; como Maria queremos caminhar a pés descalços com as comunidades e apreciar a riqueza da simplicidade, da proximidade, da ajuda recíproca, da alegria e sobretudo viver nesta comunidade para testemunhar que Deus habita na vida de todos os dias”.

A decisão de abrir esta comunidade em San Luis, entre os Maya Q’eqchi e Mopanes, foi o resultado de um longo processo de discernimento, de oração e de escuta da voz de Deus que nos chama a servir.

O território de Petén tem uma população jovem, 43,4% de seus habitantes está entre 0 e 15 anos, uma razão significativa para ficar neste lugar e tornar visível o carisma salesiano.

A falta de sacerdotes e de religiosos, requer como necessidade a presença das FMA para acompanhar 40 das 180 comunidades formadas por diversos grupos étnicos.

A Inspetoria começa uma nova viagem, para continuar alargando o coração e realizar o Sonho de Dom Bosco e de Madre Mazzarello. “O Espírito Santo continua a contar conosco, e também, no meio de nossa pobreza dizemos a Jesus que queremos ser o Monumento da gratidão à Mãe do Céu e manifestar a ternura de Deus para com cada criança ou jovem que encontrarmos, dispostas a viver o que é exigido neste sagrado lugar de Chacté, San Luis.

Escrever comentário
Não há comentários a esta entrada.
Seja o primeiro a comentar!

OK Su questo sito NON utilizziamo cookie di profilazione, ma solo cookie tecnici e/o per il monitoraggio degli accessi. Se vuoi saperne di più clicca qui. Cliccando sul pulsante OK presti il consenso all'uso di tutti i cookie.