Futuras presenças missionárias

Futuras presenças missionárias A abertura missionária do Instituto, nascido com uma profunda conotação intercultural e internacional, não conhece paradas. Estão previstas algumas novas presenças no decorrer dos próximos anos. Falou sobre isso a Ir. Círi Hernandez, Conselheira para a Missão ad gentes num rico relatório apresentado ao Conselho geral.
São estas as novas missões previstas:         
- Mongólia (Ásia) . No País, de maioria budista, as comunidades católicas estão presentes apenas a partir de 1922, mas, embora jovem, a Igreja é ativa, aberta ao serviço e à missão. A fundação foi promovida pela inspetoria coreana que, na perspectiva da celebração – em 2007 - do 50° aniversário da chegada das primeiras missionárias, deseja fazer um gesto significativo: o de compartilhar o carisma salesiano recebido, através da abertura de uma nova presença. O Prefeito apostólico, Dom Wenceslao Padilla, está feliz em acolher a nossa comunidade pela promessa de fecundidade que se delineia para a Igreja e para o carisma salesiano. A comunidade será aberta em 2007, vai se estabelecer na capital, Ulaanbaatar, e fará parte da inspetoria coreana. As três novas Irmãs, já designadas, começarão com o estudo da língua, com uma simples obra educativa, a escola materna e o oratório, e irão residir inicialmente num apartamento alugado. Muito próxima e cordial a solidariedade dos irmãos salesianos, presentes na Mongólia há alguns anos.
- Ilhas Salomão (Melanésia). No decorrer da Avaliação trienal SPR  (14-17 de maio), na presença da Madre, de Ir. Círi Hernandez, de Ir. Theresa Curmi, a inspetora, Ir. Edna Mary anunciou oficialmente a composição da nova comunidade que, em janeiro de 2007, dará início à nova presença nas Ilhas Salomão. Essa nova missão é fruto de um processo de atento discernimento por parte da inspetoria SPR. As Irmãs são: Ir. Scalei Puapuaga, primeira vocação fma das Ilhas Samoa, Ir. Sonia Murari e Ir. Anna Maria Gervasoni, ambas provenientes da inspetoria lombarda (ILO). Na Eucaristia de encerramento da avaliação, as três Irmãs receberam o mandato da Madre e da inspetoria. A cada uma delas foi entregue uma lâmpada acesa com o augúrio de transmitir a todos o fogo do amor de Deus.
-Veyrier (Suíça) . Num recente artigo neste site, já se falou sobre a nova presença na comunidade de Veyrier, perto de Genebra (pertencente à inspetoria lombarda ILO) de duas Irmãs provenientes do Vietnã, Ir. Maria Nguyen thi Nga e Ir. Teresa Nguyen thi Hong Van. A proposta de inserção de nossas Irmãs vietnamitas foi feita pelo pároco da mesma nacionalidade, que ficou sabendo que a comunidade se orientava para assumir uma fisionomia intercultural, porque empenhada numa obra muito significativa que acolhe alunos provenientes de quarenta nacionalidades, entre os quais vários vietnamitas.
-Turim (Itália). Todo o Instituto conhece com detalhes esse novo projeto, ligado à celebração da Festa da Gratidão 2006. As Irmãs que farão parte da comunidade de Porta Palazzo são: Ir. Paola Pignatelli (IPI), Ir. Gloria Medina (URU – que durante 17 anos foi missionária na África Ocidental), Ir. Julieta João (MOZ). De setembro a dezembro elas freqüentarão o Curso para missionárias na UPS (Roma), residindo na casa geral. Depois, continuarão em Turim a formação específica.
- Sumba (Arquipélago Indonésio). A inspetoria de Timor-Indonésia está realizando um processo de preparação para a abertura de uma nova presença missionária em Palla, uma cidadezinha na zona ocidental da ilha. O Bispo pediu a nossa presença para o acompanhamento dos jovens e também uma coordenação qualificada nas escolas.   

Escrever comentário
Não há comentários a esta entrada.
Seja o primeiro a comentar!

OK Su questo sito NON utilizziamo cookie di profilazione, ma solo cookie tecnici e/o per il monitoraggio degli accessi. Se vuoi saperne di più clicca qui. Cliccando sul pulsante OK presti il consenso all'uso di tutti i cookie.