Sicilia: em Pietraperzia se investe nos jovens

Sicilia: em Pietraperzia se investe nos jovens Pietraperzia é uma cidadezinha na província de Enna, no interior siciliano. Aí as possibilidades de trabalho são poucas e limitadas, os jovens que querem trabalhar devem deixar a própria vila e ir a outros lugares. A economia do lugar é essencialmente agrícola e as empresas, quando existem, são de pequenas dimensões. Por isso a comunidade fma, que trabalha em Pietraperzia, decidiu sustentar, através do microcrédito, todos aqueles jovens, desocupados ou sem ocupação, que querem encaminhar uma atividade própria.

Locais, instrumentos e assistência são os três elementos essenciais para aviar um projeto. A comunidade fma de Pietraperzia, em colaboração com a Associação Regional CIOFS-FP Sicilia, as instituições, a comunidade local, as organizações de categoria, está trabalhando para criar as ligações necessárias para obter uma tomada global dos jovens desocupados. Num primeiro momento os jovens são seguidos na redação do projeto empresarial (business plan) e no início das atividades ( start up). Uma vez encaminhadas as atividades os jovens serão colocados em condição de continuar o seu trabalho autonomamente.

Cultivar as próprias ideias empresariais. Este é o objetivo do projeto. Os jovens, graças ao microcrédito, têm a possibilidade de colocar em prática suas ideias. Cooperativas, sociedades ou oficinas podem tomar vida graças às novas gerações e dar inicio a um círculo virtuoso no qual o trabalho, honesto e legal, tem a possibilidade de empenhar os jovens e oferecer-lhes um futuro. Além disso criar atividades no interior de um território como Pietraperzia, representa um impulso ao crescimento, não somente do indivídio mas da comunidade toda.

Em um tecido social deste gênero, as dificuldades são muitas, a partir da falta de uma cultura do trabalho, que dá origem a uma mentalidade assistencialista. Os jovens, que têm a possibilidade de deixar a vila ou de continuar os estudos, correm o risco de serem envolvidos em atividades ilícitas. Percebe-se então que dar-lhes uma alternativa significa salvá-los ou, pelo menos, torná-los conscientes de que podem contar sobre as próprias capacidade.

Escrever comentário
Não há comentários a esta entrada.
Seja o primeiro a comentar!

OK Su questo sito NON utilizziamo cookie di profilazione, ma solo cookie tecnici e/o per il monitoraggio degli accessi. Se vuoi saperne di più clicca qui. Cliccando sul pulsante OK presti il consenso all'uso di tutti i cookie.